UOL Notícias Notícias
 

27/03/2010 - 08h51

Cerca de 80.000 opositores se manifestam contra o goveno na Tailândia

Cerca de 80.000 "camisas vermelhas", partidários do ex-primeiro-ministro Thaksin Shinawatra, exilado en Dubai, se manifestaram neste sábado em Bangcoc para reclamar a renúncia do governo tailandês, cuja legitimidade não reconhecem.

Duas semanas depois de ter iniciado um movimento que exige a renúncia do premiê Abhisit Vejjajiva, os "camisas vermelhas" se reagruparam em oito pontos diferentes da capital tailandesa.

Em poucas horas de manifestação, uma bomba explodiu sem deixar vítimas.

A polícia calcula que 80.000 pessoas se manifestaram, mais que no sábado passado. As autoridades mobilizaram 50.000 soldados, policiais e civis voluntário para conter a oposição.

Os "camisas vermelhas" reclamam eleições antecipadas e a saída do primeiro-ministro, a quem acusam de ser manipulado pelas elites tradicionais de Bangcoc.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host