UOL Notícias Notícias
 

31/03/2010 - 07h02

Eurozona tem índice de desemprego recorde

O índice de desemprego na Eurozona chegou a 10% em fevereiro, um recorde desde a criação da moeda única em 1999, segundo a primeira estimativa publicada nesta quarta-feira pela agência europeia de estatísticas, Eurostat.

Nos três meses anteriores, a taxa ficou em 9,9% da população ativa nos 16 países que integram a Eurozona.

Em fevereiro de 2009, o índice ficou em 8,8%.

Um total de 61.000 pessoas perderam o emprego em fevereiro na Eurozona, elevando o total a 15,7 milhões de pessoas.

No conjunto dos 27 países que integram a União Europeia (UE), o índice de desemprego no mês passado foi de 9,6%. Em janeiro ficou em 9,5% e em fevereiro de 2009 em 8,3%.

O bloco tem 23 milhões de pessoas sem emprego.

Na Eurozona, a Espanha é o país mais afetado pelo desemprego, com taxa de 19%, que no conjunto da UE é superada apenas pela Letônia, que tem índice de 21,7%.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host