UOL Notícias Notícias
 

31/03/2010 - 18h37

Rússia: militante de direitos humanos é agredida em Moscou

A ex-dissidente soviética e militante de direitos humanos russa Liudmila Alexeeva, de 82 anos, foi agredida nesta quarta-feira em Moscou durante uma manifestação em memória das vítimas dos atentados de segunda-feira, que deixaram 39 mortos, informou a agência Interfax.

Um jovem atacou Liudmila Alexeeva no momento em que depositava flores na estação do metrô de Moscou Park Kultoru, segundo a mesma fonte.

"Me disse 'ainda está viva?' e me atingiu na cabeça", contou a idosa à rádio Ecos de Moscou.

Liudmila Alexeeva afirmou que vai apresentar uma queixa contra o agressor, que foi preso pela polícia.

"Se um homem bate na cabeça de uma idosa, é preciso que seja castigado. É algo desumano", declarou.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host