UOL Notícias Notícias
 

05/04/2010 - 09h43

Papa: os padres devem ser "mensageiros da vitória sobre o mal"

"Os padres devem ser mensageiros da vitória sobre o mal", declarou nesta segunda-feira o Papa Bento XVI ante os fieis reunidos em Castel Gandolfo, perto de Roma, para participar na oração de Regina Caeli.

O Papa enfatizou a importância do papel dos padres num momento em que a Igreja Católica se vê afetada há semanas por uma série de escândalos de pedofilia na Europa e nos Estados Unidos.

"Todos os cristãos batizados recebem por missão ser anjos, mensageiros de Cristo, mas os padres, ministros de Cristo devem sê-lo de maneira especial", acrescentou.

"Ser mensageiros de Cristo significa transmitir a notícia de sua ressurreição e, por conseguinte, ser mensageiros da vitória sobre o mal e sobre a morte", completou o pontífice.

Bento XVI parecia tranquilo e descansado depois de uma difícil Semana Santa, ofuscada este ano pelos escândalos de pedofilia que salpicaram inclusive o Papa, acusado de ter acobertado casos de abuso sexual de menores por parte de padres quando era prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé.

Depois da oração, o Papa saudou em seis idiomas (francês, inglês, alemão, espanhol, polonês e italiano) os fieis reunidos no pátio interno do palácio pontifício de Castel Gandolfo.

Como durante toda a Semana Santa, o Papa não citou os escândalos de pedofilia, mas em sua saudação em espanhol disse: "Não tenham medo. Cristo ressuscitou e vive entre nós. Sua presença amorosa acompanha o caminho da Igreja e a sustenta em meio às dificuldades".

Na multidão, fieis exibiram cartazes expressando apoio ao Papa. "Santidade, estamos do teu lado", dizia um dos cartazes.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,22
    3,148
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    0,64
    65.099,56
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host