UOL Notícias Notícias
 

06/04/2010 - 11h27

Grupo francês Total é acusado de corrupção em caso 'Petróleo por alimentos'

O grupo petroleiro francês Total foi acusado de corrupção e tráfico de influência no caso "petróleo por alimentos" no Iraque, um escândalo internacional em torno de um plano da ONU nos anos noventa, indicou à AFP um porta-voz da empresa.

"O Total foi indiciado no dia 27 de fevereiro", confirmou à AFP o advogado do Total, Jean Veil.

A decisão do juiz reativa na França o procedimento judicial relativo a esse programa humanitário adotado pela ONU nos anos noventa, indicou Veil.

A administração desse programa pela ONU e a forma como havia sido aproveitado pelo presidente iraquiano Saddam Hussein desencadearam um escândalo de corrupção de grandes proporções.

"O juiz tomou sua decisão apesar de a Promotoria ter considerado o contrário, pelo menos implicitamente", ressaltou o advogado do Total.

O grupo Total é acusado de corrupção de agente público estrangeiro e de cumplicidade e de encobrir tráfico de influência.

ib/dm

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host