UOL Notícias Notícias
 

08/04/2010 - 12h02

Bolívia: Evo Morales consolida vitória eleitoral no ex-baluarte da direita

O partido do presidente Evo Morales conseguiu uma apertada vitória eleitoral no departamento de Pando, ex-bastião da direita, onde, em 2008, foi engendrada uma rebelião contra seu governo.

Segundo resultados oficiais do pleito regional de domingo, divulgados nesta quinta-feira, depois de apurados 95% dos votos, o partido de Morales saiu vitorioso em seis dos nove governos autônomos da Bolívia.

O candidato governista Adolfo Flores obteve 49,7% dos votos contra 48,4% dados ao adversário Paulo Bravo, segundo dados oficiais da Corte Nacional Eleitoral (CNE).

No entanto, devido a denúncias de irregularidades, a CNE decidiu repetir a votação em 5 sessões - inicialmente havia dito que seriam 8.

O candidato opositor Paulo Bravo pediu a anulação das eleições.

O presidente Morales envolveu-se pessoalmente na conquista do governo autônomo de Pando, um antigo feudo da direita onde, em 2008, foram registradas as mortes de 12 camponeses aliados do governo - uma primeira escalada da violência que se estendeu a cinco regiões opositoras.

Em consequência da matança, o ex-prefeito (governador) de Pando, Leopoldo Fernández, está cumprindo prisão preventiva em La Paz, enquanto espera julgamento, há um ano e meio.

Pando faz parte da chamada 'meia lua', integrada também por Santa Cruz, Tarija e Beni - onde a oposição saiu vitoriosa - e Chuquisaca, que está agora em mãos da situação.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host