UOL Notícias Notícias
 

10/04/2010 - 14h04

Tailândia: primeiro-ministro declara que não vai se demitir

O primeiro-ministro da Tailândia, Abhisit Vejjajiva, afirmou na noite deste sábado na televisão que não vai deixar o governo, em meio a confrontos entre as forças da ordem e manifestantes que fizeram 11 mortos e, pelo menos, 520 feridos.

"Eu e meu governo continuaremos a trabalhar para resolver a situação", declarou o chefe de governo.

Os "camisas vermelhas", partidários do ex-premier no exílio, Thaksin Shinawatra, manifestam-se desde meados de março para pedir a demissão de Abhisit e eleições antecipadas, acusando-o de estar a serviço das elites.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host