UOL Notícias Notícias
 

13/04/2010 - 11h17

Vaticano: Papa está sempre disposto a encontrar as vítimas de pedofilia

O Papa Bento XVI está sempre disposto a se reunir com as vítimas dos abusos sexuais cometidos por padres, mas na condição de que esses encontros não sejam fruto da pressão da mídia, indicou o porta-voz do Vaticano.

"O Papa já disse que está disposto a receber as vítimas, como já fez no passado", afirmou o padre Federico Lombardi durante coletiva de imprensa.

"Esses encontros transcorreram sempre num clima de recolhimento e discreção", recordou Lombardi, enfatizando que o Papa não deseja, no entanto, realizar esses encontros "por pressão da mídia e sem a possibilidade de ser ouvido".

Inúmeras vítimas de abusos sexuais em Malta pediram na segunda-feira para serem recebidas pelo Papa durante sua visita à ilha prevista para o próximo sábado e domingo.

"Nem confirmo, nem excluo", afirmou Lombardi, explicando que a reunião não foi programada na agenda papal, que está muito carregada.

"O Papa se reune com quem quiser, dependendo das circunstâncias, mas eu os convido a cultivar poucas esperanças", acrescentou o porta-voz do Papa.

Há duas semanas, uma das supostas vítimas de abusos sexuais cometidos por um padre num orfanato de Malta, Lawrence Grech, de 37 anos, escreveu uma carta aberta ao Papa para incentivá-lo a pedir perdão ante as vítimas maltesas por ocasião de sua viagem.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host