UOL Notícias Notícias
 

16/04/2010 - 08h52

Funeral do presidente polonês sem alterações, apesar das cinzas vulcânicas

O funeral do presidente polonês Lech Kaczynski transcorrerá como estava previsto neste fim de semana, apesar das nuvens de cinzas de um vulcão islandês que poderão perturbar a chegada por via aérea das delegações, informou uma fonte da presidência.

O aeroporto de Cracóvia, no sul da Polônia, foi fechado nesta sexta-feira em consequência das nuvens de cinzas procedentes de um vulcão em erupção na Islândia, a dois dias do funeral nacional do presidente Lech Kaczynski nesta cidade.

Em função disso, pensou-se em adiar o funeral de Kaczynski, previsto para domingo em Cracóvia na presença de muitos chefes de Estado e Governo estrangeiros.

Como em quase todo norte da Europa, a maior parte do espaço aéreo polonês permanece fechado nesta sexta-feira pela presença da nuvem de cinzas procedente da Islândia, provocada por uma erupção vulcânica.

O funeral do presidente Kaczynski e da primeira-dama, mortos em 10 de abril em uma catástrofe aérea perto de Smolensk (Rússia), terá a presença de quase 80 delegações estrangeirs, entre elas as dos presidentes americano Barack Obama e russo Dmitri Medvedev.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host