UOL Notícias Notícias
 

17/04/2010 - 19h05

Marcha das minorias supera protesto neonazista em Los Angeles

Cerca de cem membros do Movimento Nacional Socialista (NSM), um grupo autodefinido como neonazista, convocaram para este sábado no centro de Los Angeles um protesto para repudiar os imigrantes nos Estados Unidos, cujos grupos representativos convocaram uma contramarcha.

Os neonazistas, usando uniformes negros a três dias do aniversário de nascimento de Adolph Hitler, foi amplamente superado por cerca de 500 manifestantes que gritavam "Vão pra casa, racistas".

Antes de começar a passeata nazista, um grupo da contramanifestação convocada por líderes da comunidades latinas, negras e também homosexuais se aproximou da sede da prefeitura de Los Angeles e agrediram um racista com tatuagens nazistas.

"Não passa de um grupo de racistas protestando contra outro grupo de racistas", afirmou um oficial da Polícia de Los Angeles (LAPD), que mobilizou um efetivo especial para salvaguardar a ordem durante o evento realizado na cidade mais cosmopolita dos Estados Unidos, com mais de 44% da população de origem hispânica.

O NSM já realizou vários protestos no sul da Califórnia para protestar contra a presença de imigrantes nos Estados Unidos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h00

    0,45
    3,172
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h05

    0,35
    74.704,52
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host