UOL Notícias Notícias
 

27/04/2010 - 06h10

Brasil disposto a examinar eventual troca de urânio em seu território

O ministro das Relações Exteriores Celso Amorim declarou nesta terça-feira que o Brasil estaria disposto a examinar uma eventual proposta para uma troca de combustível em seu território, mas destacou que a ideia não foi apresentada ao governo, informa a agência iraniana Irna.

"Até o momento, não recebemos nenhuma proposta neste sentido, mas se recebermos uma, consideramos que poderia ser examinada", declarou Amorim em uma entrevista à agência oficial Irna.

"Buscamos um meio para impedir as sanções contra o Irã. Pensamos que as sanções não seriam eficazes e apenas afetariam a população, e em particular as classes desfavorecidas", completou.

O Brasil é membro não permanente do Conselho de Segurança da ONU, que deve se pronunciar em breve sobre novas sanções contra o Irã, considerado suspeito pelas potências ocidentais de tentar produzir armamento nuclear, o que Teerã nega.

Amorim, que desembarcou na segunda-feira em Teerã, se reuniu com o colega iraniano Manuchehr Mottaki, com o principal negociador iraniano para a questão nucleares, Said Jalili, e com o presidente do Parlamento, Ali Larijani.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    13h49

    -0,46
    3,154
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h53

    2,17
    70.120,59
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host