UOL Notícias Notícias
 

12/05/2010 - 19h57

Sean Penn é condenado a 3 anos de liberdade vigiada

LOS ANGELES, 12 Mai 2010 (AFP) -O ator americano Sean Penn foi condenado nesta quarta-feira, em Los Angeles, a três anos de liberdade vigiada e a cumprir 300 horas de trabalho comunitário por ter agredido um paparazzi em outubro do ano passado.

O ator, vencedor de dois Oscar, também deverá participar de um programa de 36 horas para aprender a controlar sua violência e terá de se manter a uma distância mínima do fotógrafo com quem teve uma briga em 2 de outubro, em Los Angeles, no bairro de Brentwood.

Sean Penn, 49 anos, agrediu o paparazzi e danificou sua câmera fotográfica. A cena foi filmada, e o ator não tentou apelar da sentença, em um processo no qual corria o risco de ser condenado a 18 meses de prisão.

Em 1987, uma briga com um paparazzi durante uma filmagem lhe custou uma condenação de 60 dias de prisão. Ele teve de passar 30 dias na cadeia.

Penn foi vencedor do Oscar por seus trabalhos em "Sobre Meninos e Lobos", dirigido por Clint Eastwood, e "Milk", de Gus Van Sant.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h39

    0,26
    3,137
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h44

    -0,70
    75.475,13
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host