UOL Notícias Notícias
 
15/05/2010 - 18h49 / Atualizada 15/05/2010 - 19h07

Chávez ameaça intervir em bancos privados na Venezuela

CARACAS, 15 Mai 2010 (AFP) -O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, advertiu os bancos privados neste sábado que se não "se adequarem ao projeto nacional" e derem crédito, "vão sofrer intervenções".

"Ou os bancos privados que existem na Venezuela se adequam ao projeto nacional e à lei, ou vamos intervir", disse Chávez durante uma transmissão do canal oficial de televisão, a VTV.

"Ou dão crédito ao povo ou me dão o banco. Eu pago depois e já estou pensando em como farei isso", advertiu aos banqueiros.

"Se eles usassem o dinheiro para financiar a agricultura, a infraestrutura, bom, isso seria ótimo. Mas não, eles gostam do mercado especulativo", continuou.

O governo de Chávez já interveio em oito bancos de pequeno e médio porte entre novembro e dezembro de 2009, para "garantir o saneamento do sistema financeiro nacional". Destes, dois fecharam e outros quatro foram estatizados e fundidos ao novo banco estatal Bicentenario.

Com essas últimas intervenções, o Estado concentra em suas mãos mais de 25% do setor financeiro nacional.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,22
    3,142
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,67
    70.477,63
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host