UOL Notícias Notícias
 
15/05/2010 - 08h56 / Atualizada 15/05/2010 - 09h18

É a situação mais difícil desde a 2ª Guerra Mundial, diz presidente do BC europeu


Em Berlim

O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet, afirmou que os mercados enfrentam "a situação mais difícil desde a Segunda Guerra Mundial", em uma entrevista que será publicada pela revista alemã Spiegel.

"Os mercados se encontram, sem dúvida alguma, na situação mais difícil desde a Segunda Guerra Mundial, inclusive desde a Primeira", declarou Trichet.

"Já vivemos e estamos vivendo tempos realmente dramáticos", completou, antes de destacar que no fim da semana passada, durante a onda de pânico das Bolsas europeias, "os mercados já não funcionavam, era quase como quando aconteceu a falência do Lehmann Brothers em setembro de 2008".

Nos dias 6 e 7 de maio, antes da União Europeia (UE) anunciar um plano de 750 bilhões de euros para a zona euro, para evitar um contágio da crise grega a outros países em dificuldade, as Bolsas mundiais desabaram.

Após uma recuperação no início da semana, na sexta-feira 14 de maio voltaram a registrar quedas expressivas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h49

    0,29
    3,155
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h58

    -0,03
    68.693,56
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host