UOL Notícias Notícias
 
18/05/2010 - 12h59 / Atualizada 18/05/2010 - 14h23

Líderes da Europa e América Latina se comprometem a evitar o protecionismo

madri, Espanha, 18 Mai 2010 (AFP) -Os chefes de Estado e de Governo de 60 países da União Europeia (UE), América Latina e Caribe se comprometeram nesta terça-feira, na Cúpula de Madri, a "evitar o protecionismo", depois de concluir um Tratado de Livre Comércio euro-centro-americano e reiniciar uma negociação comercial entre os 27 e o Mercosul.

"Nós nos comprometemos a evitar o protecionismo em todas suas formas", afirma a declaração adotada ao término da cúpula.

Neste terça, os negociadores europeus e centro-americanos anunciaram o fim dos trabalhos de um TLC entre ambas as regiões, enquanto que a União Europeia e o Mercosul oficializaram na véspera a retomada de suas negociações comerciais, que começam há 10 anos e estavam estancadas há seis.

Os líderes europeus e latino-americanos asseguraram na declaração que querem "favorecer um sistema comercial multilateral aberto e não discriminatório, baseado em normas que promovam a recuperação das crises econômicas e o crescimento e o desenvolvimento".

Sobre a Rodada de Doha para a libertação do comércio do comércio mundial, atualmente em ponto morto, reiteraram seu compromisso para uma conclusão rápida, ambiciosa e equilibrada", segundo o texto.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host