UOL Notícias Notícias
 
19/05/2010 - 18h02 / Atualizada 19/05/2010 - 18h16

Ato por igualdade de direitos tem simulação de casamento gay em Montevidéu

MONTEVIDÉU, 19 Mai 2010 (AFP) -Com vestidos de noiva e ternos, três casais gays -duas mulheres, dois homens, e um homem e um travesti- se apresentaram nesta quarta-feira no cartório de registro civil de Montevidéu para uma simulação de casamento, no lançamento de uma campanha em favor do casamento homossexual.

A simulação, em ocasião do Dia Internacional contra a Homofobia, foi organizada pelo grupo Ovelhas Negras, que reúne lésbicas, gays e travestis.

Cerca de cem pessoas estiveram presentes no ato de protesto, em que os três casais -que não são casais na vida real- entraram no cartório de registro civil como se fossem contrair o matrimônio, mas foram convidados a se retirar.

Na saída, depois de receberem a tradicional chuva de arroz, as noivas jogaram seus buquês para os presentes e se beijaram, à exceção do casal de mulheres -Denise e Maite-, que se explicaram dizendo: "não nos interessa chocar".

No ato de protesto foi lido um documento em que se exigia a igualdade de direitos, a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo e rejeitava a discriminação.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h38

    -0,60
    3,126
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h42

    0,05
    75.639,73
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host