UOL Notícias Notícias
 
19/05/2010 - 07h58 / Atualizada 19/05/2010 - 09h45

Ministro sul-coreano acusa Pyongyang por naufrágio de navio de guerra

Em Seul (Coreia do Sul)

O ministro sul-coreano das Relações Exteriores, Yu Myung-Hwan, afirmou nesta quarta-feira que é "evidente" a responsabilidade da Coreia do Norte no naufrágio, em março, de um navio de guerra e disse que existem provas suficientes para levar o caso ao Conselho de Segurança da ONU.

Ao ser perguntado por jornalistas se a Coreia do Norte era responsável pelo naufrágio, o chanceler respondeu: "Acredito que é evidente".

O ministro é assim a primeira autoridade sul-coreana a acusar oficialmente a Coreia do Norte pelo afundamento do Cheonan, uma corveta de 1.200 toneladas, em 26 de março, na ilha de Baengnyeong, perto da fronteira marítima com o Norte, após uma explosão misteriosa que partiu a embarcação em duas.

Segundo a imprensa sul-coreana, especialistas internacionais encontraram fragmentos que seriam de um propulsor de torpedo com número de série ao estilo norte-coreano.

As conclusões da investigação serão divulgadas ao público na quinta-feira.

 

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host