UOL Notícias Notícias
 
19/05/2010 - 17h51 / Atualizada 19/05/2010 - 17h52

Sean Penn denuncia fechamento de hospitais no Haiti

WASHINGTON, 19 Mai 2010 (AFP) -O ator Sean Penn, que se dedicou a ajudar o Haiti desde o terremoto de 12 de janeiro, pediu insistentemente nesta quarta-feira diante do Congresso americano que os hospitais haitianos que fecharam por falta de recursos sejam reabertos.

"Os hospitais que existem no Haiti devem ser reabilitados para continuar funcionando com pessoal, medicamentos e serviços administrativos", defendeu a estrela de Hollywood que, com sua entidade, a J/P Haitian Relief Organization, ajuda há quatro meses um dos maiores campos de refugiados da capital haitiana.

"Nessa cidade em ruínas, cinco hospitais foram fechados (...) por falta de financiamento", afirmou Sean Penn durante uma audiência sobre a eficária da ajuda internacional diante da Comissão de Relações Exteriores do Senado.

O ator advertiu que os primeiros casos de difteria foram registrados no campo de golfe de Piétonville, que abriga mais de 50.000 pessoas, num momento em que se aproxima a temporada de chuvas. Ele também denunciou a escassa vacinação no país.

O terremoto que atingiu o Haiti em 12 de janeiro matou de 250.000 a 300.000 pessoas e deixou mais de 1,3 milhão de haitianos sem suas casas, segundo a ONU e as autoridades locais.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h19

    0,30
    3,167
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h24

    0,40
    74.742,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host