UOL Notícias Notícias
 
21/05/2010 - 15h17 / Atualizada 21/05/2010 - 16h02

Protestos e distúrbios em Valparaíso durante mensagem presidencial de Piñera

Valparaíso, Chile, 21 Mai 2010 (AFP) -Um tumulto foi registrado na manhã desta sexta-feira na cidade de Valparaíso, onde o presidente do Chile, Sebastián Piñera, prestava contas do governo ao Congresso Nacional, protegido por um forte dispositivo de segurança.

Um grupo reduzido de manifestantes atirou pedras e garrafas com tinta nas viaturas policiais e no corpo de carabineiros, que reprimiu o protesto com jatos d'água e granadas de gás lacrimogêneoo, comprovou a AFP.

Foram detidas três pessoas e uma quarta está hospitalizada com ferimentos.

Outras 600 pessoas convocadas por organizações sindicais como a Central Unitária de Trabalhadores (CUT) e o Grupo Nacional de Empregados Fiscais (ANEF) fizeram passeata de protesto contra o governo em frente ao congresso.

A Federação de Estudantes também foi às ruas.

O governo mobilizou 1.500 agentes para garantir a segurança de Valparaíso.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host