UOL Notícias Notícias
 
23/05/2010 - 19h59 / Atualizada 23/05/2010 - 20h12

'Chega de medo', diz Mockus ao encerrar campanha em Bogotá

BOGOTÁ, 22 Mai 2010 (AFP) -Antanas Mockus, candidato do Partido Verde e um dos favoritos na eleição presidencial da Colômbia, conclamou os colombianos a perder o medo e a "construir a confiança", ao encerrar neste domingo sua campanha, com um comício em Bogotá.

"Chega de medo", exclamou Mockus para cerca de dez mil partidários reunidos em uma praça do centro da capital, no último dia da campanha para as eleições de 30 de maio.

"Vamos ser uma força suave, que não vai andar pelo mundo assustando, mas sim criando confiança. Esta etapa da história da Colômbia será escrita com lápis e não com sangue", disse Mockus com um girassol na mão, símbolo de sua campanha.

"Onde há confiança há comunicação, onde há comunicação há transparência, onde há transparência há solidariedade, e então a violência fica obsoleta".

Mockus prometeu manter várias das políticas mais populares do presidente Álvaro Uribe, especialmente o combate frontal à guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), mas "com respeito à legalidade".

O candidato Verde aparece em empate técnico com Juan Manuel Santos, ex-ministro da Defesa de Uribe, para o primeiro turno das eleições à presidência.

Mockus, de 58 anos, ex-reitor da Universidade Nacional de Bogotá, foi prefeito da capital por duas vezes (1995-1997 e 2001-2003), o que lhe deu grande reconhecimento e popularidade.

Matemático e filósofo, Mockus baseia suas propostas no tripé "legalidade, transparência e educação".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h49

    0,29
    3,276
    Outras moedas
  • Bovespa

    16h59

    1,26
    63.452,38
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host