UOL Notícias Notícias
 
23/05/2010 - 14h32 / Atualizada 23/05/2010 - 14h32

Nuclear: Ahmadinejad critica apoio da Rússia às sanções

Teerã, Irã, 23 Mai 2010 (AFP) -O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, criticou neste domingo o apoio da Rússia às sanções contra o país por suas atividades nucleares, promovidas pelos Estados Unidos no Conselho de Segurança da ONU.

"Se estivesse no lugar das autoridades russas, tomaria posição mais cautelosa", declarou o presidente iraniano após uma reunião do Conselho de Ministros, segundo a agência de notícias Isna.

Após vários meses de discussões, os Estados Unicos conquistaram nesta semana um compromisso de parte dos outros quatro membros permanentes do Conselho de Segurança (China, Grã-Bretanha, França e Rússia) para impor uma quarta série de sanções contra Teerã.

O chefe da diplomacia russa, Serguei Lavrov, confirmou na terça-feira o apoio russo ao projeto de resolução em conversa por telefone com a secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton.

O compromisso foi firmado um dia depois do anúncio de um acordo entre Irã, Turquia e Brasil que prevê uma troca na Turquia de 1.200 kg de urânio levemente enriquecido (3,5%) por 120 kg de combustível enriquecido a 20% disponibilizado pelas potências e destinado ao reator de pesquisas nucleares com fins médicos de Teerã.

"Esperávamos que um país vizinho e amigo (Rússia) defenderia a declaração de Teerã", lamentou Ahmadinejad.

Brasil e Turquia, membros não permanentes do Conselho de Segurança, opõem-se às sanções.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host