UOL Notícias Notícias
 
24/05/2010 - 18h10 / Atualizada 24/05/2010 - 19h17

Governo paraguaio anuncia fim do estado de exceção no norte do país

Assunção, Paraguai, 24 Mai 2010 (AFP) -Finalizou nesta segunda-feira o estado de exceção decretado por 30 dias em cinco departamentos do norte do Paraguai, sem a captura de membros do chamado Exército do Povo Paraguaio (EPP), um grupo de esquerda ao qual são atribuídos sequestros e assassinatos.

"Nos esforçaremos para legalizar o apoio militar à segurança nestes departamentos de forma permanente", disse o presidente Fernando Lugo ao anunciar o fim do estado de exceção.

O governo havia mobilizado 3.000 militares e policiais para buscar os insurgentes, acusados do sequestro de dois ricos fazendeiros do norte e do assassinato, há mais de um mês, de um grupo de policiais e civis, a 500 km ao norte de Assunção.

Foram detidas 157 pessoas com antecedentes criminais, nenhum deles relacionados aos procurados do EPP.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host