UOL Notícias Notícias
 
25/05/2010 - 10h47 / Atualizada 25/05/2010 - 11h33

Turco perde nacionalidade suíça por praticar bigamia

GENEBRA, 25 Mai 2010 (AFP) -Um turco que havia obtido a nacionalidade suíça mediante casamento deverá devolver seu passaporte por manter paralelamente um relacionamento com uma mulher de seu país de origem, decidiu o Tribunal Federal suíço em uma decisão publicada nesta terça-feira.

O homem, que esteve casado durante 26 anos com uma suíça com a qual teve uma filha, tinha uma vida dupla e viajava quatro vezes por ano à Turquia, onde tinha outra mulher, uma turca com a qual tinha dois filhos.

Ele tinha sido naturalizado suíço em 2003, por conta do casamento com uma cidadã suíça.

Sua mulher suíça, da qual se divorciou para se casar com a mulher turca com a qual teve um terceiro filho, não sabia dessa união paralela.

Em 2008, o Escritório Federal de Migrações (ODM) decidiu anular a naturalização, destacando que esta supõe uma relação vivida na monogamia, e confirmou a anulação da naturalização em um veredito divulgado nesta terça-feira.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host