UOL Notícias Notícias
 
26/05/2010 - 00h05 / Atualizada 26/05/2010 - 00h22

Clinton viaja a Seul em plena crise coreana

PEQUIM, 26 Mai 2010 (AFP) -A secretária americana de Estado, Hillary Clinton, partiu de Pequim na manhã desta quarta-feira rumo a Seul, em plena escalada da tensão na península coreana.

Clinton, que passou por Japão e China, chega a Seul um dia após a Coreia do Norte romper relações com a Coreia do Sul e ameaçar com uma "guerra total" se sofrer sanções.

Na sexta-feira passada, uma comissão investigadora internacional concluiu que a corveta sul-coreana "Cheonan" foi torpedeada diante da ilha de Baengnyeong, por um submarino norte-coreano, no dia 26 de março, em um ataque que matou 46 marinheiros.

Pyongyang nega o ataque e questiona as conclusões da comissão que investigou o caso.

Em Pequim, Clinton obteve do governo chinês, único aliado de peso de Pyongyang, a promessa de "colaboração" para resolver a crise coreana, mas o governo chinês não condenou a Coreia do Norte e nem especificou o grau de sua contribuição.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h00

    -0,52
    3,152
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h01

    2,36
    70.254,37
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host