UOL Notícias Notícias
 
26/05/2010 - 07h27 / Atualizada 26/05/2010 - 07h45

Hillary Clinton pede que a Coreia de Norte deixe de provocações e ameaças

SEUL, Coreia do Sul, 26 Mai 2010 (AFP) -A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, pediu nesta quinta-feira à Coreia do Norte que pare com suas provocações e sua política de ameaças e afirmou que a opinião mundial deve se pronunciar frente ao afundamento pela marinha norte-coreana de um navio sul-coreano.

Hillary, que chegou a Seul esta quarta-feira proveniente da China, onde tentou obter mais firmeza de Pequim frente a seu aliado norte-coreano, indicou que os Estados Unidos estudavam outras opções para estabelecer a responsabilidade da Coreia do Norte e seus dirigentes.

"Pedimos à Coreia do Norte que cesse com suas provocações e sua política de ameaças e de conflitos com seus vizinhos", afirmou, em coletiva de imprensa depois de se reunir com o presidente Lee Myung-bak.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host