UOL Notícias Notícias
 
27/05/2010 - 17h33 / Atualizada 27/05/2010 - 17h49

Ban critica falta de ajuda de nações industrializadas em visita a favela do Rio

RIO DE JANEIRO, 27 Mai 2010 (AFP) -O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, criticou as lideranças das grandes potências pela falta de apoio financeiro aos países em desenvolvimento para que possam cumprir as Metas de Desenvolvimento do Milênio durante uma visita realizada nesta quinta-feira ao morro da Babilônia, comunidade carente da Zona Sul do Rio.

"Os líderes dos países industrializados já prometeram muitos recursos, que ainda não foram entregues", lamentou, depois de considerar "inacreditável que um bilhão de pessoas durmam todos os dias com fome".

Em sua visita, Ban assistiu a apresentações de música e dança de crianças da comunidade e se reuniu em uma escola com 12 jovens oriundos de áreas pobres do Rio de Janeiro antes dominadas por traficantes de drogas e recentemente pacificadas pelas autoridades de segurança.

O secretário-geral da ONU também destacou algumas conquistas da comunidade internacional no combate a diversas doenças que assolam as nações mais pobres.

"Nós conseguimos reduzir de maneira significativa o número de pessoas que morreram com o vírus HIV/Aids e até 2015 não teremos mais nenhuma pessoa morrendo de malária", prometeu Ban em uma sala de aula pintada com as cores azul e branco da ONU e enfeitada com uma grande bandeira branca com a inscrição "Paz entre os países".

O chefe da ONU encontrou a comunidade colorida de verde e amarelo e não conseguiu escapar da pergunta de um jovem sobre para que seleção torceria no Mundial da África do Sul.

"É a pior e mais difícil das perguntas", brincou o sul-coreano, acrescentando: "Eu sei que o Brasil é pentacampeão. Mas vocês vão ter que vencer a Coreia do Sul e não sei se isso vai acontecer".

Ao final do encontro, Ban Ki-moon recebeu uma carta dos jovens e foi presenteado com um livro de desenhos das crianças do Morro da Babilônia e com uma camisa da seleção brasileira de futebol.

As Metas de Desenvolvimento do Milênio foram estipuladas pelas Nações Unidas para reduzir a extrema pobreza no planeta antes de 2015.

Ban realiza uma visita de dois dias ao Brasil, onde participa do III Fórum da Aliança das Civilizações das Nações Unidas (27-29 de maio). Ele deixará o país na sexta-feira.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host