UOL Notícias Notícias
 
06/06/2010 - 11h48 / Atualizada 06/06/2010 - 12h01

Dois detidos no aeroporto JFK acusados de terrorismo

NOVA YORK, 6 Jun 2010 (AFP) -Dois suspeitos detidos na noite de sábado no aeroporto JFK, de Nova York, foram acusados formalmente, este domingo, de conspiração para matar americanos no exterior, informou a promotoria.

Mohamed Alessa e Carlos Almonte, detidos no terminal, "conspiraram para cometer, fora dos Estados Unidos (...), crimes de homicídio, sequestro e dano", diz a ata da acusação.

Segundo o documento, os dois suspeitos treinaram durante meses para integrar-se à Jihad e estavam prestes a viajar para a Somália para entrar em contato com uma organização extremista vinculada à rede terrorista islâmica Al Qaeda.

"Duas pessoas foram detidas na noite de sábado no aeroporto Kennedy, no âmbito de uma investigação em andamento", disse na véspera o comissário-adjunto da polícia Paul Browne, sem dar maiores detalhes.

Segundo o jornal Star Ledger de Newark, os dois suspeitos estavam prestes a viajar para se reunir com um grupo extremista da Somália e ambos são acusados de conspiração para cometer atos terroristas.

Mohamed Hamoud Alessa, de 20 anos, residente em North Bergen (Nova Jersey), e Carlos Eduardo Almonte, de 26, originário de Elmwood Park, no mesmo estado, embarcariam em voos separados com destino ao Egito.

Segundo o jornal, após a detenção, agentes do FBI fizeram uma batida nas casas dos dois suspeitos, que eram vigiados desde 2006 por policiais disfarçados.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host