UOL Notícias Notícias
 
15/06/2010 - 13h17 / Atualizada 15/06/2010 - 13h57

Déficits: países da Europa devem informar medidas

BRUXELAS, 15 Jun 2010 (AFP) -A Comissão Europeia solicitou nesta terça-feira à Espanha, assim como a outros países europeus como Portugal, que "informem" as medidas que tomarão para alcançar suas metas de redução de déficits públicos após 2010.

Bruxelas estima, em um informe de avaliação dos planos orçamentários de 12 países europeus, que as medidas tomadas em geral "foram suficientes para alcançar os objetivos de 2010" de queda do déficit.

Mas, na "maioria dos casos", devem "especificar o quanto antes" de que forma seguirão cumprindo com o fixado a partir do próximo ano, disse a Comissão, responsável pela disciplina orçamentária da União Europeia.

Nos casos de Espanha e Portugal, no ponto de vista dos mercados, pelas preocupações que sua situação orçamentária e econômica suscitam, as novas metas de redução de déficits são "adequadamente ambiciosas e implicam uma consolidação fiscal substancial", segundo o comunicado.

Entretanto, "espera-se que Espanha e Portugal especifiquem as medidas que empreenderão nos orçamentos de 2011, que devem representar respectivamente (uma economia) de 1,75% e 1,50% do PIB com o objetivo de alcançar os novos objetivos", acrescentou.

O governo espanhol apresentou, em maio, um plano de austeridade que prevê reduzir o gasto público em 15 bilhões de euros suplementares em 2010 e 2011, com o objetivo de baixar o déficit de 11,2% em 2009 para 6% em 2011 e 3% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2013, o limite estabelecido por Bruxelas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,59
    3,276
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host