UOL Notícias Notícias
 
19/06/2010 - 09h24 / Atualizada 19/06/2010 - 09h34

Vaticano: ex-arcebispo de Poznan não será reabilitado

CIDADE DO VATICANO , 19 Jun 2010 (AFP) -As proibições impostas em 2002 ao ex-arcebispo de Poznan, Juliusz Paetz, acusado de abusos sexuais constra seminaristas maiores de idade, serão mantidas e ele não deverá ser reabilitado, afirmou neste sábado o porta-voz do Vaticano, o padre Federico Lombardi.

As restrições que foram impostas ao religioso em 2002 não serão levantadas, insistiu padre Lombardi, ao ser indagado pelos jornalistas sobre um artigo do jornal polonês Gazeta Wyborcza fazendo referência a uma eventual reabilitação por parte da Congregação Episcopal.

Desde que foi destituído em 2002, monsenhor Paetz, ex-arcebispo de Poznan, está proibido de consagrar igrejas, celebrar misas ou ordenar sacerdotes.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host