UOL Notícias Notícias
 
20/06/2010 - 21h58 / Atualizada 20/06/2010 - 21h58

Santos promete mão de ferro contra guerrilha na Colômbia

BOGOTÁ, 20 Jun 2010 (AFP) -O presidente eleito da Colômbia, Juan Manuel Santos, prometeu neste domingo aplicar mão de ferro contra as guerrilhas de seu país, exigindo a libertação dos reféns em seu poder, em seu primeiro discurso após vencer as eleições.

"Exigimos desde agora a libertação de todos os sequestrados. O tempo esgotou-se para as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia). Os colombianos sabem muito bem que eu sei como combatê-las", disse Santos diante de milhares de seguidores que comemoraram sua vitória em El Campín, em Bogotá.

Santos, que como ministro da Defesa entre 2006 e 2009 promoveu os mais duros golpes contra as Farc, conseguiu no segundo turno mais de 9 milhões de votos (69%), frente o independente Antanas Mockus, que obteve 3,5 milhões de votos (27,5%).

Santos, do Partido Social da Unidade Nacional (U, direita), deve assumir a presidência em 7 de agosto.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host