UOL Notícias Notícias
 
22/06/2010 - 23h45 / Atualizada 22/06/2010 - 23h45

Correa deflagra campanha contra jogos de azar no Equador

QUITO, 22 Jun 2010 (AFP) -O governo equatoriano, que há alguns dias restringiu a venda de bebidas no país, planeja agora proibir "totalmente" os jogos de azar no Equador, declarou nesta terça-feira o presidente Rafael Correa.

"Acredito que os jogos de azar e o consumo de bebidas reduzem o nível de vida de uma sociedade", assinalou Correa ao anunciar seu projeto para "inaugurar um país saudável para nossos jovens e as futuras gerações".

"Vamos proibir totalmente este tipo de jogo no país. Vamos declarar o Equador livre de jogos de azar", disse Correa ao anunciar "uma reforma legal (...) que estará pronta em um par de meses".

Na sexta-feira passada, o governo Correa restringiu os horários de venda de bebidas no país, argumentando que o álcool está ligado a 10% dos assassinatos no Equador.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host