UOL Notícias Notícias
 
27/06/2010 - 20h53 / Atualizada 27/06/2010 - 20h59

Obama diz que a ONU deve advertir Pyongyang por sua conduta "inaceitável"

TORONTO, Canadá, 27 Jun 2010 (AFP) -O presidente americano, Barack Obama, instou este domingo a ONU a adotar um "claro reconhecimento" de que a "beligerante conduta" da Coreia do Norte é "inaceitável" e elogiou o governo da vizinha Coreia do Sul por sua "extraordinária moderação".

"Nosso foco de atenção principal no Conselho de Seguranla da ONU, agora, é estabelecer um claro reconhecimento de que a conduta beligerante da Coreia do Norte é inaceitável para a comunidade internacional", disse Obama em entrevista coletiva em Toronto, ao fim da cúpula dos líderes do G20, que reúne países ricos e emergentes.

Obama reiterou que uma investigação multinacional responsabilizou Pyongyang pelo naufrágio de uma corveta sul-coreana, em março, no qual morreram 46 marinheiros, após a embarcação ter sido atingida por um torpedo.

Segundo o presidente americano, seu colega sul-coreano, Lee Myung-Bak, "deu provas de uma extraordinária moderação, dadas as circunstâncias".

"É absolutamente necessário que a comunidade internacional o apoie e envie uma mensagem clara à Coreia do Norte de que este tipo de comportamento é inaceitável", insistiu.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host