UOL Notícias Notícias
 
05/07/2010 - 07h54 / Atualizada 05/07/2010 - 08h01

Geólogo americano condenado a 8 anos de prisão na China

PEQUIM, 5 Jul 2010 (AFP) -Um geólogo americano foi condenado nesta segunda-feira a oito anos de prisão na China por ter tentado obter e comunicar ao estrangeiro dados da indústria petroleira protegida pelo sigilo de Estado, segundo fontes diplomáticas e uma associação de defesa dos direitos humanos.

O embaixador americano na China, Jon Huntsman, que estava presente quando foi pronunciado o veredicto, lamentou a severidade da setença contra o condenado Xue Feng, indicou a porta-voz da embaixada, Susan Stevenson.

"A proteção dos cidadãos americanos no exterior é nossa prioridade absoluta. Continuaremos visitando-o e conversando sobre seu caso com o governo chinês", acrescentou.

Xue, de 44 anos, nascido na China, mas com nacionalidade americana, foi detido em 2007 quando pretendia voltar para os Estados Unidos, indicou um comunicado da fundação Dui Han, grupo de defesa dos direitos humanos.

Xue Feng trabalhava então num gabinete de consulta sobre matérias-primas (IHS), segundo a mesma fonte.

Xue e seu empregador afirmaram pensar que a base de dados podia ser adquirida de maneira comercial. Foi depois que Xue comprou esta base de dados que esta ficou coberta pelo segredo de Estado, segundo Dui Han.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,38
    3,156
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    0,41
    65.277,38
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host