UOL Notícias Notícias
 
17/07/2010 - 09h40

Irã ameaça com represálias as empresas que anularem contratos por sanções

TEERÃ, 17 Jul 2010 (AFP) -O Irã fará represállias contra as companhias estrangeiras que anularem contratos assassinados por causa das sanções internacionais impostas a Teerã por seu programa nuclear, colocando-as numa "lista negra", afirmou neste sábado o ministro do Petróleo iraniano, Masud Mirkazemi.

"Se uma das companhias estrangeiras atuar contra (os interesses do) Irã, nos veremos obrigdos a colocar esta companhia numa lista negra", afirmou Mirkazemi, citado pela agência Mehr.

"Elas não trabalharão mais em nosso país", acrescentou.

Segundo Mehr, o ministro deu como exemplo a Lukoil, segundo produtor petroleiro ruso, que abandonou o porjeot Anaran, nome do campo petrolífero descoberto no oeste do Irã em 2005.

O ministro, no entanto, matizou suas afirmações dizendo que o Irã poderá continuar colaborando com a Lukoil depois de uma reavaliação do conteúdo do acordo.

Vários grupos energéticos russos assinaram contratos importantes com o Irã, mas a maioria deles se encontra em suspenso devido às sanções internacionais adotadas contra a República Islâmica por seu polêmico programa nuclear.

Na semana passada, o ministro da Energia russo, Serguei Chmatko, afirmou que Moscou está disposto a fornecer petróleo para o Irã, apesar das sanções adotadas por Washington, cujo objetivo é entorpecer o abastecimento de gasolina aos iranianos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host