UOL Notícias Notícias
 
20/07/2010 - 10h38

Conferência de Cabul marca 'uma virada', segundo Hillary Clinton

CABUL, 20 Jul 2010 (AFP) -A conferência internacional desta terça-feira em Cabul marca uma "virada" com a adoção de um plano para o futuro do Afeganistão que nunca tinha sido visto antes, declarou a chefe da diplomacia americana Hillary Clinton.

A conferência de Cabul "marca uma virada", considerou Hillary ao final da conferência, porque "o governo afegão apresentou um plano detalhado como nunca tínhamos visto antes".

A secretária de Estado considerou que a coalizão internacional está "muito comprometida" com o plano adotado nesta terça-feira, ressaltando que o comunicado final da conferência está "em conformidade" com os planos americanos.

Hillary Clinton também considerou que a chegada ao poder do governo Obama havia permitido que o governo afegão retomasse a iniciativa e apresentasse enfim uma estratégia detalhada para o futuro do país.

Ela frisou que Washington havia "aumentado amplamente" seus esforços para treinar o Exército e a Polícia do Afeganistão, um dos pontos centrais da estratégia internacional de estabilização do país.

A comunidade internacional apoiou nesta terça-feira o projeto do presidente afegão Hamid Karzai de assumir a segurança do país no final de 2014, além do "programa de reconciliação" com os talibãs. Ela também apoiou o plano de um controle maior por parte do governo afegão de bilhões de dólares de ajuda internacional.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host