UOL Notícias Notícias
 
21/07/2010 - 08h39

Hillary Clinton: EUA vão impor novas sanções à Coreia do Norte

SEUL, 21 Jul 2010 (AFP) -A secretária de Estado americana Hillary Clinton anunciou nesta quarta-feira novas sanções econômicas e financeiras contra a Coreia do Norte, por ocasião de uma nova visita oficial à Coreia do Sul, durante a qual Washington e Seul advertiram a Pyongyang que qualquer agressão de sua parte terá "sérias consequências".

Em coletiva de imprensa, Hillary evocou uma série de medidas destinadas a "melhorar nossa capacidade de evitar a proliferação norte-coreana, de pôr fim a suas atividades ilícitas, que ajudam a financiar seus programas de armamento e de desestimular outros atos de provocação".

Paralelamente, Estados Unidos e Coreia do Sul advertiram a Pyongyang que qualquer ato de agressão de sua parte terá sérias consequências e pediram ao governo norte-coreano que reconheça que torpedeou um barco em marçoi passado.

Esta advertência foi feita através de um comunicado ao término de uma reunião de Hillary Clinton e o secretário americano de Defesa Robert Gates com seus colegas sul-coreanos em Seul.

Nesta declaração comum, os dos países recordam que as "provocações militares irresponsáveis" ameaçam as estabilidade da região.

Seul e Washington acusam a Coreia do Norte de ter torpedeado em 26 de março o navio sul-coreano "Cheonan", causando a morte de 46 marinheiros, o que Coreia do Norte desmente formalmente.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host