UOL Notícias Notícias
 
22/07/2010 - 16h29

Obama promete reduzir déficit em 50 bilhões de dólares com a nova lei

WASHINGTON, 22 Jul 2010 (AFP) -O presidente Barack Obama advertiu nesta quinta-feira que os Estados Unidos não podem continuar gastando ao ritmo atual, como se o enorme déficit não importasse, ao promulgar uma lei que combate o desperdício e a fraude, com o objetivo de poupar 50 bilhões de dólares.

"Quando gastamos como se os déficits não importassem, isso significa que nossos filhos e netos carregarão sobre os ombros dívidas as quais nunca poderão pagar", disse Obama antes de assinar a lei na Casa Branca.

"O desafio que faço a minha equipe, hoje, é reduzir os gastos denecessários em 50 bilhões de dólares até 2012 e este objetivo é totalmente alcançável", afirmou.

O déficit orçamentário americano - que a Casa Branca advertiu meses atrás poderia alcançar 1,55 trilhão de dólares este ano - emerge como um importante tema político e poderá comprometer os ambiciosos planos de reforma de Obama.

Na recente cúpula do Grupo das 20 maiores economias, em Toronto, Obama havia prometido reduzir o déficit para a metade, em três anos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h00

    0,00
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    16h01

    -0,02
    75.974,74
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host