UOL Notícias Notícias
 
30/07/2010 - 18h51

EUA: igreja na Flórida convoca dia da queima do Alcorão

MIAMI, 30 Jul 2010 (AFP) -Uma igreja cristã da Flórida está organizando o "dia internacional da queima do Alcorão" em 11 de setembro, no nono aniversário do ataque terrorista às Torres Gêmeas, iniciativa que grupos muçulmanos afirmam ser parte de um aumento da islamofobia nos Estados Unidos.

A igreja "Alcançar Um Mundo de Paz" convocou a queima de exemplares do Alcorão em frente a seu templo de Gainville, a mais de 500 km ao norte de Miami, e pediu que outros centros religiosos somem-se à proposta para lembrar os mortos de 11 de setembro de 2001 e enfrentar "o demônio do Islã".

"Lamentavelmente, nesse estado e em todo o país, a islamofobia está aumentando", disse à AFP Ramsey Kilic, porta-voz do Centro de Relações Islâmico-Americanas (Cair).

A entidade disse que não adotará nenhuma ação para evitar a iniciativa. "O que nos preocupa é o sentimento anti-islâmico que se cria, que esta ação legitima e que pode gerar ataques contra mesquitas ou contra algum muçulmano nas ruas", disse Kilic.

O ato tem um grupo no Facebook (International Burn a Koran Day), que nos últimos dias recebeu ameaças cruzadas e comentários xenófobos entre partidários e críticos da iniciativa, e visitantes de diferentes credos.

Por outro lado, membros de um fórum criado pelo grupo da jihad islâmica Al-Falluja reagiram com virulência ao saber da convocação e ameaçaram provocar "rios" de sangue de americanos para responder à ofensa da igreja da Flórida ao livro sagrado do Islã.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,22
    3,142
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,67
    70.477,63
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host