UOL Notícias Notícias
 
04/08/2010 - 11h12

EUA devolvem a Cuba barco roubado e interceptado no mar

HAVANA, 4 Ago 2010 (AFP) -Os Estados Unidos devolveram a Cuba uma embarcação roubada em uma marina da ilha e os quatro cubanos que estava a bordo com a intenção de imigrar, informou nesta quarta-feira o governo de Havana.

Manuel Ramírez e Eduardo Puig, seguranças da Base Náutica de Tarará, leste de Havana, furtaram o barco "Comodoro" em 29 de julho a fim de "abandonar ilegalmente o país para os Estados Unidos", segundo uma nota do ministério do Interior (Minint).

Segundo a fonte, os dois homens usaram da força e causaram danos às instalações. Depois se lançaram ao mar acompanhados de Yusnaykys Hierrezuelo e Karel González.

A embarcação foi interceptada pelos guarda-costas americanos, alertados pelas Tropas Guarda-fronteirsa de Cuba, em cumprimento dos acordos migratórios vigentes entre os dois países.

Os Estados Unidos e Cuba assinaram, em 1994, depois da chamada 'crise dos balseiros', acordos migratórios que estipulam que Washington concederá 20.000 vistos anuais a cubanos e repatriará os ilegais interceptados no mar.

Cuba, por sua parte, deve evitar as saídas ilegais por meios persuasivos e reintegrar socialmente os repatriados.

Sob o governo de Barack Obama, que liberou as viagens e envios de remessas de dinheiro de cubano-americanos à ilha, os Estados Unidos e Cuba - sem relações diplomáticas desde 1961 - retomaram em 2009 o diálogo migratório - suspenso em 2003-, do qual já realizaram várias rodadas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,67
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,31
    75.990,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host