UOL Notícias Notícias
 
08/08/2010 - 15h16

Aquecimento global faz população de crocodilos machos aumentar na Costa Rica (estudo)

SAN JOSÉ, 8 Ago 2010 (AFP) -O aquecimento global está fazendo com que nasçam mais crocodilos machos do que fêmeas nos rios da Costa Rica e, se a tendência se mantiver, a espécie estará correndo grave risco em algumas décadas, segundo um estudo científico divulgado neste domingo pela imprensa.

"A hipótese é que a temperatura - um clima cada vez mais quente por causa das mudanças climáticas e a ação direta do sol -, está relacionada ao nascimento de mais machos", disse o jornal La Nación, ao divulgar detalhes do estudo conduzido pelo biólogo costarriquenho Juan Rafael Bolaños.

"A temperatura no ninho determina o sexo da cria. Quando a temperatura da incubação é por volta de 28 graus Celsius nascem fêmeas, ao subir até os 32 graus, machos", disse o jornal.

Acrescentou que "se for comprovado que as populações de crocodilos americanos (Crocodylus acutus) no país estão se masculinizando, em um período de 20 anos, a espécie tenderia a desaparecer".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host