UOL Notícias Notícias
 
10/08/2010 - 14h03

Adiada fase final da operação de contenção da maré negra no Golfo do México

NOVA ORLEANS, EUA, 10 Ago 2010 (AFP) -A operação final da British Petroleum para selar definitivamente o poço de petróleo submarino que provocou um gigantesco vazamento no Golfo de México foi adiada por dois ou três dias devido à proximidade de uma tempestade, disse nesta terça-feira Thad Allen, que dirige as operações do governo americano.

"Nós poderíamos (furar) na quinta-feira ou na sexta. Isso agora foi adiado em dois ou três dias", declarou o almirante Thad Allen.

A gigante britânica BP, que explorava a plataforma que naufragou causando a a maior maré negra da história dos Estados Unidos, havia anunciado na quinta-feira passada que tinha concluído a cimentação do poço.

Mas para encerrar o capítulo técnico da catástrofe, o grupo petroleiro deve ainda realizar a operação "bottom kill". Ela consiste em furar dois poços de auxílio que permitirão verificar o êxito da cimentação, em que o poço é cimentado por baixo até que seja fechado definitivamente.

Do naufrágio da plataforma, no dia 22 de abril, à contenção do vazamento, em meados de julho, cerca de 4,9 milhões de barris de petróleo, ou seja, 780 milhões de litros, vazaram do poço, dos quais 800.000 barris (127 milhões de litros) foram recuperados, de acordo com os últimos dados fornecidos pelo governo americano.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,59
    3,276
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host