UOL Notícias Notícias
 
10/08/2010 - 17h27

Preso é executado em Ohio após passar 18 anos em corredor da morte

WASHINGTON, 10 Ago 2010 (AFP) -Depois de passar quase metade de sua vida no corredor da morte pelos assassinatos, em 1991, de dois colegas de trabalho, Roderick Davie, 38 anos, foi executado nesta terça-feira em Ohio (norte dos Estados Unidos), informaram os funcionários da prisão.

Davie recebeu uma injeção letal e morreu às 10h31 (11H31, horário de Brasília) na câmara da morte da penitenciária de Lucasville.

O governador de Ohio, Ted Strickland, rejeitou na segunda-feira um pedido de clemência.

Davie foi condenado à morte em março de 1992 pelos assassinatos no ano anterior de dois ex-colegas e pela tentativa de assassinato de um terceiro em uma loja de ração de animais de estimação em Youngstown, Ohio.

Davie trabalhava no local, mas havia sido demitido alguns meses antes de cometer os assassinatos.

Atirou e matou John Coleman e, depois de acabar a munição, espancou até a morte outro trabalhador, Tracey Jefferys.

Um terceiro funcionário, John Everett, que ficou gravemente ferido no ataque, esteve presente na execução de Davie, junto de vários parentes das outras duas vítimas.

Davie é o sétimo preso executado em Ohio e o 35º dos EUA somente em 2010.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h20

    0,10
    3,269
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h24

    -0,63
    63.684,27
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host