UOL Notícias Notícias
 
11/08/2010 - 17h21

'Casamento' de rãs tenta trazer chuva a Bangladesh

DACCA, 11 Ago 2010 (AFP) -Os agricultores do norte de Bangladesh atingidos pela seca recorreram ao "casamento" de rãs em uma tentativa desesperada de atrair chuvas de monção para salvar a colheita, informaram nesta quarta-feira as autoridades locais.

Bangladesh registrou em julho os mais baixos níveis de precipitação de pelo menos três décadas, levando os camponeses a recorrer ao rito ancestral, declararam as autoridades.

"Houve muitos casamentos de rãs já que tivemos pouca chuva aqui, mesmo sendo a estação da monção", comentou o administrador do distrito de Sadullahpur, Ariful Haq.

Durante uma das cerimônias da aldeia de Ramchandrapur, 300 pessoas vestiram suas melhores roupas para assistir à "cerimônia", declarou um participante, Tajul Islam.

"A noiva e o noivo foram ricamente decorados com uma marca vermelha na cabeça, tendo sido transportados em uma cesta especial até uma folha de bananeira", acrescentou.

"Os aldeões cantam, fazem oferendas de arroz e ervas, e, após a cerimônia, as rãs são libertadas em uma lagoa da aldeia", detalhou Tajul Islam.

A monção, que dura de junho a setembro, em geral, leva a Bangladesh mais de 75% das precipitações anuais. Em julho, habitualmente o mês mais úmido, as chuvas reduziram em 36% em relação ao ano passado, segundo os serviços de meteorologia.

O Paquistão e a Índia, por sua vez, estão sendo afetados por chuvas torrenciais que já fizeram quase 1.800 mortos; 14 milhões de pessoas foram afetadas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h49

    1,26
    3,191
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h57

    -0,23
    64.998,22
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host