UOL Notícias Notícias
 
14/08/2010 - 09h27

WikiLeaks promete 15.000 documentos secretos em duas semanas

ESTOCOLMO, 14 Ago 2010 (AFP) -O fundador do site WikiLeaks, Julian Assange, prometeu neste sábado a publicação de mais 15.000 documentos confidenciais sobre a guerra no Afeganistão dentro de duas semanas.

"Estamos mais ou menos no meio do caminho, ou seja, dentro de umas duas semanas", respondeu, ao ser questionado sobre a data de publicação dos documentos, à margem de uma conferência de Assange em Estocolmo.

O fundador do WikiLeaks anunciou que seu site, especializado em vazar informações de inteligência, atua com "prudência" e examina "linha por linha" os documentos em questão, após um novo pedido do Pentágono para que o portal não divulgue nada por razões de segurança.

"Todos os documentos serão publicados, mas os textos serão editados para proteger os nomes das partes inocentes que estão sob uma ameaça significativa", disse Assange.

O WikiLeaks vazou no fim de julho para três jornais ocidentais - New York Times, Der Spiegel e The Guardian - quase 92.000 documentos confidenciais sobre operações militares dos Estados Unidos no Afeganistão.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host