UOL Notícias Notícias
 
16/08/2010 - 08h46

Casal afegão acusado de adultério é apedrejado no Afeganistão

Kunduz, Afeganistão, 11 Jan 2009 (AFP) -Um casal afegão acusado de adultério pelos talibãs foi executado por apedrejamento na região norte do Afeganistão.

Uma mulher de 23 anos, já comprometida, e um homem casado de 28 anos foram condenados ao apedrejamento pelos talibãs na presença de quase 100 pessoas, em sua maioria talibãs, em um distrito da província de Kunduz.

O casal, que havia deixado o distrito, foi detido ao retornar à localidade pelos insurgentes.

"Os talibãs os condenaram à morte por apedrejamento e a multidão atirou pedras até a morte de ambos", declarou Abdul Satar, morador da região que presenciou a execução.

O governador do distrito confirmou a execução e um dirigente talibã ligou para a AFP para reivindicar o apedrejamento.

"O casal confirmou que tentou fugir e por isso foi apedrejado até a morte", declarou, sem revelar o nome.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host