UOL Notícias Notícias
 
19/08/2010 - 15h12

Chefs de principais líderes mundiais reúnem-se em Hong Kong

HONG KONG, 19 Ago 2010 (AFP) -Fundado há mais de 30 anos, o clube dos chefs dos estadistas reúne-se pela 33ª vez nesta semana em Hong Kong para dividir os segredos culinários dos principais dirigentes do mundo.

Entre os 25 chefs presentes nessa peculiar reunião, estão os responsáveis por alimentar as pessoas mais poderosas do planeta, como Barack Obama, Nicolas Sarkozy e Dmitri Medvedev.

"Trocamos informações sobre nossos presidentes", afirma o chef francês Bernard Vaussion, que dirige a cozinha do Palácio do Eliseu.

Vaussion, encarregado do menu da presidência francesa há 37 anos, comenta que o casal Sarkozy "pede, para seus jantares privados, uma cozinha muito simples, com saladas, carnes brancas e, para a senhora Sarkozy, massas."

A chef Cristeta Comerford, por sua vez, informa as preferências da família Obama na Casa Branca.

Originária das Filipinas, e primeira mulher a ocupar o cargo, Comeford assegura que "é fácil satisfazer" os Obama.

"O presidente e sua família mostram-se muito abertos a diferentes estilos de cozinha", disse a mulher, que emigrou aos Estados Unidos em 1980 e foi eleita para o cargo pela ex-primeira-dama Laura Bush.

Depois do jantar de gala da quarta-feira no hotel Mandarin de Hong Kong, os chefs partirão rumo a Pequim, onde se reunirão com os chefs chineses, honrando mais uma vez a premissa do clube: "a política divide os homens, a gastronomia os une."

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host