UOL Notícias Notícias
 
22/08/2010 - 13h40

Ahmadinejad apresenta o primeiro bombardeiro iraniano teleguiado

TEHERÁN, Irão, 22 Ago 2010 (AFP) -O presidente iraniano Mahmud Ahmadinejad apresentou neste domingo o primeiro avião não-tripulado iraniano capaz de lançar diferentes tipos de bombas, informou a televisão estatal.

Segundo a televisão, que mostrou imagens do bombardeiro teleguiado em uma região semidesértica, o aparelho batizado Karrar (atacante, em persa) é dotado de um motor turbo que pode atingir uma velocidade de 900 km/h e transportar tipos diferentes de bombas e mísseis.

O aparelho foi apresentado como o primeiro "avião sem piloto portador de bombas produzido pelo Irã e capaz de percorrer longas distâncias em grande velocidade".

Em seu discurso, o presidente Ahmadinejad lançou uma advertência aos Estados Unidos e Israel para que não considerem uma opção militar contra o polêmico programa nuclear iraniano.

"Antes de ser uma mensagem de morte para os inimigos, o Karrar é o portador de uma mensagem de dignidade e salvação para a humanidade", afirmou.

Ahmadinejad disse que as habilidade de defesa do Irã "devem alcançar um ponto onde cortaremos o braço do agressor antes que ele aja".

"A principal mensagem do Karar é evitar qualquer tipo de agressão e conflito contra o Irã", acrescentou.

"Karrar é o símbolo do progresso da indústria de defesa do Irã", afirmou, por sua vez, o ministro da Defesa, o general Ahmad Vahidi, citado no site da televisão.

Vahidi acrescentou que Karrar tem um alcance de 1.000 km.

Segundo a televisão estatal, "Karrar pode alcançar um objetivo a 1.000 km de distância".

Pode levar quatro mísseis invisíveis aos radares e duas bmobas de mais de 110 kg, segundo a mesma fonte.

"Além do avião não-tripulado apresentado hoje pelo presidente, a República Islâmica do Irã possui outros aparelhos teleguiados que também têm um alcance de 1.000 km", declarou Vahidi, citado pela agência Fars.

"O Irã nunca teve a intenção de atacar outro país", afirmou o ministro, acrescentando que Teerã deve, no entanto, "reforçar sua capacidade de defes apra dissuadir os inimigos de qualquer tentativa de agressão".

Karrar foi apresentado dois dias depois de ser realizado com êxito o teste do míssil terra-terra Qiam, apresentado como "um projétil com aspectos técnicos novos e uma capacidade tática única".

O Irã prevê, por outra parte, inaugurar nos próximos dias duas linhas de produção de lanchas rápidas Seraj e Zolfagar, equipadas con lança-mísseis.

A apresentação também ocorre no dia seguinte ao início do processo de implantação de sua primeira usina nuclear, classificada de "símbolo de sua resistência e determinação" ante a oposição das grandes potências contra seu programa nuclear, suspeito de acobertar objetivos militares.

Depois mais de três décadas de interrupções e atrasos, os engenheiros começaram na manhã de sábado as operações de carregamento de 165 barras de combustível no reator da usina de Busher (sul), anunciou a Organização Iraniana de Energia Atômica (OIEA) em um comunicado.

O início das operações de carga do reator, realizadas na presença do vice-presidente Ali Akbar Salehi - chefe do programa nuclear iraniano - e de Serguei Kirienko - chefe da agência nuclear russa Rostom, que dirigiu a construção da usina -, faz com que a usina de Busher passe a ser considerada oficialmente uma instalação nuclear.

Esses anúncios chegam em um momento em que a República Islâmica está submetida a seis resoluções do Conselho de Segurança da ONU, quatro delas acompanhadas de sanções, por seu programa nuclear e pela negativa de renunciar ao enriquecimento de urânio lançado em 2005.

A operação de carga de combustível terminará em 5 de setembro. Depois faltarão dois meses para que o reator alcance uma potência de 50% que permitirá conectá-lo com a rede nacional elétrica e entre seis e sete meses para que a usina funcione com potência máxima, ou seja, 1.000 megawatts, segundo o porta-voz da OIEA, Ali Shirzadian.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host