UOL Notícias Notícias
 
23/08/2010 - 17h50

Biden: é cedo demais para falar em fracasso no Afeganistão

WASHINGTON, 23 Ago 2010 (AFP) -A atuação da coalizão liderada pelos Estados Unidos no conflito afegão continua a ser promissora e é cedo demais para considerá-la um fracasso, declarou nesta segunda-feira o vice-presidente americano Joe Biden a ex-combatentes.

Quanto à data de julho de 2011 fixada para o início da retirada das tropas, isso não significa que os Estados Unidos vão deixar o país, mas simplesmente que o comando será progressivamente passado para as forças de segurança afegãs, acrescentou Biden em um discurso pronunciado diante de veteranos das guerras internacionais em Indianápolis (Indiana, norte).

"Então, rapazes, não acreditem nas declarações dizendo 'nós fracassamos no Afeganistão'. Acabamos de começar com um bom general e com um bom número de soldados para atingir nossos objetivos", declarou Biden, referindo-se ao novo comandante americano das forças internacionais no Afeganistão, o general David Petraeus.

Biden também citou o fato de o presidente americano Barack Obama ter triplicado a presença militar americana no Afeganistão desde que chegou à Presidência em janeiro de 2009, elevando-a para 100.000 soldados atualmente.

Graças a esta presença reforçada, os Estados Unidos "fazem progressos notáveis" em seu objetivo de derrotar e de desmantelar a rede Al-Qaeda no Afeganistão, afirmou.

Ao falar da data de julho de 2011 fixada para o início da retirada, Biden explicou que é necessário fixar um prazo para que os líderes afegãos tomem consciência de que devem assumir o comando em matéria de segurança.

A data de julho de 2011 para o início da retirada do Afeganistão tem gerado polêmicas e confusão nos últimos dias. O ministro americano da Defesa, Robert Gates, afirmou recentemente que ela estava gravada em mármore, enquanto o general Petraeus disse que pretendia recomendar uma outra data em função da situação no terreno.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host