UOL Notícias Notícias
 
24/08/2010 - 10h12

George Michael se declara culpado de dirigir sob influência de drogas

LONDRES, 24 Ago 2010 (AFP) -O cantor britânico George Michael se declarou culpado nesta terça-feira de dirigir sob a influência de entorpecentes e de posse de cannabis. O processo refere-se a um episódio ocorrido em julho, e pode acarretar até uma pena de prisão.

O músico, cujo verdadeiro nome é Georgios Kyriacos Panayiotou, apenas se manifestou para confirmar sua identidade e declarar-se culpado das acusações. Sua presença no tribunal de Highbury Corner (norte), no entanto, atraiu um enxame de jornalistas e fotógrafos.

A sentença deve sair no dia 14 de setembro, e George Michael, de 47 anos, foi proibido de dirigir durante seis meses pelo juiz Robin McPhee.

O magistrado advertiu o cantor, que permanece em liberdade sob fiança, que todas "as opções em relação ao veredicto seguem abertas, incluindo a prisão".

"É um assunto grave. Sua condução foi sumamente má, e houve um acidente. Também há uma condenação de até três anos", acrescentou McPhee durante a audiência de 15 minutos, à qual George Michael assistiu sem seus eternos óculos de sol.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h50

    -0,21
    3,263
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host