UOL Notícias Notícias
 
26/08/2010 - 19h39

Chile: mineiros estão desidratados e perderam muito peso

COPIAPO, Chile, 26 Set 2010 (AFP) -Os 33 mineiros presos há 21 dias a 700 metros de profundidade em uma mina no norte do Chile estão desidratados e perderam muito peso, mas sua situação médica continua "razoável", disse esta quinta-feira o ministro da Saúde, Jaime Mañalich.

"A situação médica continua razoável", disse Mañalich, ao entregar o mais recente relatório sobre a saúde do grupo de mineiros.

"Com as avaliações clínicas que pudemos fazer através do nosso 'agente médico' abaixo, temos uma ideia bastante clara de que sofrem de desidratação e perderam muito peso", disse o ministro.

No entanto, isto não os impediu de fazer brincadeiras, acrescentou.

O agente médico a quem se refere Mañalich é o mineiro Jonny Berríos, que com alguns conhecimentos de enfermagem foi indicado pelas autoridades para reportar do interior da mina a situação de saúde dos operários, que esta quinta-feira completam 21 dias debaixo da terra.

Os mineiros perderam entre 8 e 10 quilos cada durante os 17 dias em que se alimentaram de forma deficiente antes de serem contatados, no domingo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h00

    -0,34
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h02

    0,16
    61.773,26
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host